Rafa Barbosa

Você se lembra como era a vida sem internet?

Posted by in Diário

Estou escrevendo esse post única e exclusivamente porque a internet caiu. Como você deve ter imaginado, nesse momento, estou com uma tela do WORD aberta em minha frente enquanto digito essas palavras. O que me leva a crer que um computar sem internet hoje em dia pode ser considerado basicamente uma enorme calculadora ou uma máquina de escrever. No caso, uma máquina de escrever que possivelmente roda um ou outro jogo que não precisa estar conectado o tempo todo. Bem melhor que a atual moda hipster. Sim, os hipsters resgataram…read more

Meu Brazil brasileiro – parte I

Posted by in Diário

Trinta e sete cascos de cerveja acumulados ao lado da mesa. Esse era o saldo de uma noite memorável com os amigos. Pedro saiu do bar sem saber muito bem como chegaria em casa. Era provável que nem chegasse, a julgar pelo seu estado etílico. Enquanto caminhava pela avenida procurando um táxi, sentiu aquela necessidade enorme de “dar um mijão”. Aquela vontade que somente os bêbados mais versados na arte do álcool podem compreender. Parou no primeiro beco que viu. Apoiou-se com a testa na parede enquanto botava pra fora…read more

Marcos Oliver está de volta!

Posted by in Diário

E vai e vem não tem parada. Traz uma carga de saudades na chegada. E vem e vai mais uma jornada e a minha vida vai com ele nessa estrada. É com esse refrão que Sula Miranda, a eterna rainha dos caminhoneiros (e irmã da Gretchen) nos emociona com a regravação do hit “Caminhoneiro do Amor“ que conta com a presença de ninguém menos que Marcos Oliver, ator, sedutor profissional, pintor e ídolo maior de quem escreve esse texto. No melhor estilo road-movie, Oliver nos entrega uma interpretação sensível e tocante de…read more

Relíquias brasileiras no Spotify

Posted by in Diário

Tenho um gosto musical peculiar. Não sei se essa seria a expressão correta já que trabalho sem o menor critério na hora de decidir o que ouvir. De alguma banda obscura do leste europeu a Wesley Safadão, sou uma pessoa que encara sem medo as surpresas que o Spotify pode nos proporcionar. Foi com a mente aberta que resolvi procurar e compartilhar com vocês algumas das pequenas relíquias que esse maravilhoso serviço de streaming esconde em seus servidores. Preparados para descobrir algumas relíquias brasileiras no Spotify? Vem comigo! 1 – Celso…read more

5 coisas que eu já quis ser

Posted by in Diário

O que você quer ser quando crescer?  Eu já tive várias respostas para essa pergunta e nenhuma delas foi a correta. Se é que existe uma resposta certa pra isso. Seguindo a minha primeira participação dos posts propostos pelo grupo RotaRoots, farei uma lista com 5 coisas que eu já quis ser e espero o mínimo de compreensão para não ser zoado, ok? 1 – Jogador de Futebol A resposta clássica quando se é criança e não tem a menor noção de como a vida ou o mundo funciona. Sim, eu queria ser…read more

O feijão tropeiro e a igualdade social

Posted by in Diário

Trabalho em uma região de classe alta. Uma alameda com dezenas de condomínios e suas famigeradas varandas gourmet. Um reduto onde é fácil encontrar firmas de advocacia, escritórios de design, consultórios particulares, estúdios de estética, agências de publicidade, boutiques de alta costura e o trailer do tropeiro. O trailer do tropeiro é uma espécie de Super Bonder social que une todas as classes de trabalhadores dessa região. Não importa o seu cargo: de diretor financeiro a mestre de obras, o tropeiro é um amor em comum de todos os que trabalham por aqui. E apesar…read more

Eu e Verissimo – como tudo começou

Posted by in Diário

Seria pretensioso da minha parte querer escrever tão bem quanto Verissimo (o Luis, nesse caso). Soube disso logo nos meus primeiros textos. Imagino que não tenha o mesmo olhar observador daquele senhor. Alguma situação trivial acontecendo ao meu lado sem que eu perceba tornaria-se mais uma crônica deliciosa em suas mãos. Não tão deliciosa quanto a Silvinha, mulher do Siqueira, mas ainda assim arrancaria suspiros de quem passasse os olhos. Não saberia dizer se a minha introdução a Verissimo foi tardia. Ele tirou a minha virgindade em 2003, no alto…read more

O novo vocabulário da internet – um guia prático

Posted by in Diário

“Ai, miga! Hoje finalmente tenho um date com aquele boy. Antes ele era só uma crush, sabe? Mas acho que hoje a gente vai dar uns beijinhos pra relaxar e se tudo der certo vou larcrar“.  Se você não entendeu nada na frase acima é porque provavelmente está por fora do novo vocabulário da internet. Como sou um cara que gosta de acompanhar a evolução das conversas jovens e descoladas, sempre corro atrás do significado dos dialetos adotados diariamente pela nossa juventude. Como não é todo mundo que tem a paciência e dedicação…read more

Paulistinha – a nova aposta de Serginho Hondjakoff

Posted by in Diário

Além de eterno nessa Brasília, Serginho Hondjakoff segue em sua busca implacável por um lugar ao sol depois de tanto tempo nas sombras. Depois de uma breve excursão pela terra da garoa, nosso saudoso Cabeção voltou para o Rio de Janeiro apaixonado por uma paulistinha. Embalado por esse amor, Serginho Hondjakoff e seu parceiro Dino Boyer bolaram um pop-funk zangado narrando a épica saga do carioca que vence as barreiras geográficas e da rivalidade para viver o amor em sua forma plena. Dino Boyer e Cabeção – Paulistinha À primeira vista…read more

Um pedido sincero de desculpas

Posted by in Diário

Sinceridade é a base de todo e qualquer relacionamento. Sendo assim, vou ser sincero e direto: eu te traí. É algo imperdoável, eu sei. Ainda mais vindo de mim, que sempre falei que jamais faria algo desse tipo e principalmente com quem foi, já que até pouco tempo atrás ficava criticando e perguntando porque todos estavam falando dessa pessoa. Mas a curiosidade e a pressão social foram mais fortes e sucumbi. Não consegui manter a minha promessa. Não estamos no melhor momento do nosso relacionamento. Antigamente, esperava ansiosamente pra te…read more

Page 1 of 212