Como comprar seu diploma

02/03/2008 at 00:17
Você passa quatro anos da sua vida estudando, pagando mensalidade da faculdade, gastando a mais com foto-cópia (Xerox é a marca, como todo mundo sabe), lanche, passagem e vários outros gastos. Finalmente você conclui o seu curso, e o mínimo que sua faculdade poderia oferecer seria o diploma. Um bonito pedaço de papel que te qualifica como um profissional formado. Mas este simples pedaço de papel custa módicos R$ 60,00. Isso mesmo, eu pago quatro anos de faculdade e ainda tenho que pagar pelo meu diploma. O pedaço de papel que me garante uma cela especial caso eu seja preso.

 

Eu não sabia dessa até ver e ler uma reportagem sobre o assunto a alguns dias. E como tudo que envolve meu bolso, me interessa e pode interessar a quem acessa aqui, venho comentar um pouco sobre o assunto.

Segundo a matéria exibida no Jornal Nacional e publicada no G1, a emissão dos diplomas deveria ser gratuita, uma vez que o mesmo é registrado pela instituição de ensino.

Vários alunos já estão reclamando e procurando valer os seus direitos. Uma das faculdades em questão é a que estudo, e concordo plenamente com quem quer acabar com essa taxa. Oportunista. Ainda mais em faculdades particulares.

Seguindo um raciocínio um pouco mais , digamos radical, é o mesmo que eu pagar para obter o meu diploma, com a diferença de que eu dividi em 48 prestações. E mais uma “saída” de 60 pilas.

No caso da federal eu entendo, justamente pelos alunos não terem gastos com a faculdade em si, como mensalidade e essas coisas. Entendo, mas não concordo. Acho injusto cobrarem por uma coisa que simplesmente estudamos 4 ou 5 anos para obter.

Pra completar, a minha faculdade é a única que não pensa em retirar a taxa, ou seja, final do ano o Faelzinho aqui ainda vai ter que gastar 60 mecréu pra pagar uma folha de papel couché com uma certificação de ‘Publicitário’.

Fui!