Scraps e depoimentos prontos: fale comigo!

15/08/2009 at 14:17

Eu admiro a persistência das pessoas. Persistência é uma coisa boa, todos deveriam ser persistentes. O único problema é quando você persiste no erro. Aí, amigo, é idiotice.

Não sei se vocês se lembram dessa história clássica do blog. Resumindo: a menina que eu pegava antes de conhecer a minha atual e perfeita namorada copiou meus depoimentos escritos exclusivamente para a minha namorada, e mandou para o namoradinho dela. Gênio demais gente! Com certeza ganhou um beijo emocionado, um abraço e uma caixa de bombons. O presente de dia dos namorados dos medíocres!

Aí, tudo bem. O tempo passou. Eu achei que nem teria mais esse tipo de problema, até porque falei com ela que era feio e ela disse ou inventou que alguma amiga mandou o texto, ela achou bonito e resolveu mandar pro namorado. Sou legal, não briguei nem nada e deixei como estava.

Mas hoje foi a gota d’água. Idiotice tem limite e acredito que essa menina já ultrapassou todos os níveis possíveis na escala Richter for Dummies.

Ela simplesmente copiou o scrap que enviei no dia do aniversário da minha namorada e mandou para o namorado dela com algumas pequenas adaptações. Uma deliciosa amostra do tamanho do amor que ela nutre pelo coitado.

Olha a data do meu scrap

Olha a data do meu scrap

E a data do scrap dela.

E a data do scrap dela.

Tentei até dialogar com a moça no Messenger, mas ela usou a boa e velha desculpa do “não sei de nada” e acabou não prolongando a conversa. Provavelmente deve estar procurando alguma resposta nos milhares de scraps que já mandei até hoje.

Depois dessa incrível treta virtual a qual submeti meu imenso intelecto, só me resta concluir uma coisa: Ela adoraria ser a minha namorada. Ou então me admira como escritor. Fato.

Risos.