Arquivo

Epic Fail Eleições 2008

Candidato a vereador fez toda a campanha com o número errado

O comerciante Semeão de Macedo, 40 anos, achou que nessa eleição ele conseguiria retornar à Câmara Municipal de Barbalha, no interior do Ceará.

Eleito pela primeira vez em 2000 e após uma frustrada tentativa de se reeleger em 2004, o político estava pronto para assumir o mandato novamente. Mas, perdeu por 19 votos. Filiado ao PMDB, ele fez uma campanha impecável. Visitou os eleitores, distribuiu o seu “santinho” e sempre reforçou o seu número 15.999.

Na noite do último sábado, Macedo descobriu que passou os três últimos meses com o número errado e entrou em desespero. Procurou o juiz eleitoral e percebeu que a justiça tinha lhe atribuído 15.777 como o seu número de campanha “Mandei fazer 50 mil “santinhos” errados”, afirmou ao iG.

Inconformado com a situação – ele enviou os documentos para o TSE e não foi conferir se o seu pedido havia sido aceito – o comerciante de Barbalha conseguiu do juiz da cidade um espaço entre 22h e 23h deste sábado para colocar um carro de som na rua divulgando a informação correta.

“Nem sei se deu tempo porque em cidade do interior o povo dorme cedo”, disse o candidato. Ele esperava ter 1.900 votos dos seus eleitores, mas agora nem sabe mais como mudar a situação. “Vamos esperar, mas ainda creio em um milagre”, afirma com uma voz engasgada por causa do choro.

Em Barbalha, um candidato é eleito com 800 votos. Bastante abalado, o candidato está andando pela cidade e recebendo apoio dos seus eleitores e aguarda ansioso para o início das contagens de voto.

——————————————————-

Cara, não é possível que o cara não confirmou isso nem nada. Muito menos o TRE da cidade. Mas o pior é que eu até fiquei com dó do sujeito. Três meses fazendo campanha, corpo-a-corpo, santinhos e tudo o mais e na véspera das eleições, descobrir que o seu número não era o utilizado? =/

Só tenho um recado pra ele:

Um comentário

  1. UHAHUAUHAUHAHUAUHAUHAHUAHU

    putz
    só não to com mais dó dele do que da Helena

    abração rafa

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios estão marcados *